Renata do Amaral Grossi, 41 anos

É dentista, casada, mãe de dois filhos e reside em Penápolis/SP.

“Câncer tem cura, não viva a doença: viva intensamente o hoje, independente do que aconteça!”

Em janeiro de 2017, durante o banho, sentiu algo dolorido no seio esquerdo e depois de uma semana, após uma biópsia, teve o diagnóstico de carcinoma ductal invasivo. “Pensei na minha família: quem iria cuidar de todos?”. Está terminando as sessões de quimioterapia e aguardando para fazer a cirurgia e, depois, a radioterapia. Apesar de ainda ter essa caminhada para percorrer, acredita que o pior já passou:

“O apoio psicológico da equipe foi fundamental para entender que eu precisava ser cuidada e que eu precisava cuidar de mim. Continuo minha vida normalmente, não deixei de trabalhar, não deixei de estar com a família, não faltei a nenhum evento social, viajei e continuo fazendo minha pós-graduação! Meus planos para o futuro são me curar, curtir a minha família e amigos, trabalhar muito e concluir minha pós-graduação! Quero poder ajudar as pessoas que passarem pelo mesmo problema que eu! Câncer tem cura, não viva a doença! Escute os profissionais que estão cuidando de você e se afaste daquelas pessoas que não te acrescentam nada. O tratamento é uma fase para você refletir sobre os seus valores, os seus relacionamentos; é uma fase de sofrimento, mas também de aprendizado. Não vale a pena gastar tanto tempo fazendo planos, pois, na maioria das vezes, as coisas não saem do jeito que planejamos. Viva intensamente o hoje, independente do que aconteça!”